Saga: Encantadas
Título: Veneno
Autor: Sarah Pinborough
Ano: 2013
Número de Páginas: 224
Editora: Única


Sinopse: Em um reino distante, um velho rei precisa se ausentar para uma batalha, deixando sua bela filha aos cuidados de sua esposa, uma mulher sexy e de extrema beleza que foi obrigada a casar-se muito cedo e que aprendeu a tirar os obstáculos de sua frente tão logo apareçam.
Branca de Neve não queria que seu pai fosse para a batalha, ela já tinha problemas demais com sua madrasta. Ela não queria usar corpetes apertadíssimos e se portar como realeza, mas sim aproveitar a sua juventude e se divertir. Sozinha, na companhia apenas de seus estranhos amigos anões, ela sabe que haverá problemas.
A rainha não teria problema nenhum com Branca de Neve, desde que ela se portasse como uma dama e não como uma selvagem. Aproveitando a ausência do Rei, ela ensinará algumas lições a enteada, entre outras coisas, ela quer mostrar quem manda ali. Mas Branca de Neve não é do tipo “pobre mocinha”. Aliás, Branca de Neve não é do tipo ‘mocinha’, ‘princesa’, ‘esposa’. E esta disputa de forças irá abalar todos no reino. Seja um caçador de passagem, um príncipe desajustado ou os anões à margem da sociedade: quem escolher um lado pagará um preço muito alto pela ousadia!
Resenha: O livro Veneno faz parte da Saga Encantadas, são livros que recontam os contos de fadas e seus finais felizes, trazendo essas histórias para mais perto da realidade.

No primeiro livro da saga conhecemos a Branca de Neve e sua madrasta, admito que na maior parte do livro achei a história até bem parecida com as várias versões que conhecemos dela, mas é claro que contem partes bem diferentes e muito engraçadas, além de personagens de outras histórias que conhecemos.
 - Pronto. Agora você está parecendo uma princesa de verdade. Claro que não vai conseguir montar assim. E se tiver escondido outras roupas em algum lugar… - O olhar penetrante de Branca de Neve confirmou que este era o caso. - Então nem pense em usá-las.
 - Vou montar de qualquer jeito - disse Branca de Neve. Seu rosto tinha empalidecido.
 - Não seja tão ridícula - disse Lilith. - Você não consegue, assim.
 - Você não pode me impedir! A garota a empurrou para o lado e saiu andando apressada e com passos pesados pelo corredor. - Vou fazer o que quiser.
Devo dizer que adorei a Branca de Neve, super divertida e alto astral, devo acrescentar que bebe muito.
Mas a Rainha a considera apenas uma criança mimada, porque será rsrsrs

Apesar de Lilith, a Rainha, ser realmente má eu até entendo um pouco da revolta dela pela liberdade que a Branca de Neve tem, quando ela foi tratada com tanta rigidez por toda a sua vida e no final ainda foi obrigada a se casar com um homem velho que ela nem ao menos conhecia e evidentemente não ama.
Acredito que se pararmos para analisar, não se pode exigir amor e compaixão de uma pessoa que não foi criada com esses sentimentos. Para ser sincera, até gostei da Rainha.
 - Obrigada - repetiu e, no instante seguinte, ficou rígida nos braços dele. - Posso sentir o cheiro dela em você…
 - É ela. Você esteve com ela…
Ele tentou se afastar, mas ela mantinha os braços ao seu redor….
 - O que você fez com ela? Perguntou lágrimas ainda escorrendo dos olhos vagos e semicerrados. - Toque-me como você a tocou. Toque-me como ela o tocou. - O caçador não disse nada, sentindo-se mais uma vez um peão em um jogo em que não tivera intenção de participar.
E o que falar do Príncipe Encantado, particularmente o descreveria com os seguintes adjetivos: preconceituoso, covarde, machista, neurótico e outros mais, porém quem não tem defeitos kkkkkkkkkkk

Devido ao quote resumido abaixo, eu gostaria de entender melhor quando Lilith passou a não gostar da Branca de Neve, fiquei bastante curiosa. Apesar de achar que a culpa é daquele espelho chato!
 - Tem certeza de que isso é uma boa idéia.
 - O que quer dizer com isso. Vai ser divertido.
 - Tenho certeza de que pode ser engraçado. - Mas não sei ao certo se sua madrasta tem senso de humor.
 - É aí que você se engana - sorriu Branca de Neve.
 - Pelo menos ela tinha. Logo que chegou aqui. Eu me lembro que costumávamos rir muito juntas. Ontem ele riu. - Ela virou para o lado. - Ela só perdeu seus motivos para se divertir, só isso. Talvez seja isso que o casamento faz com você.

Nível do vício:

7 Comentários

  1. Adoro essa releituras de contos de fadas e acho que vou adorar essa! Mal vejo a hora de ler, pois só tenho visto resenhas positivas.

    Beijos e bom fim de semana!
    biblioteca-de-resenhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Aaaah acho tão interessante essa série sem falar que as capas são a coisa mais linda desse mundo!!!!! Acho que a história é bastante instigante e com a sua resenha faz a gente querer mais ainda ler :D

    Beijos
    http://www.partesdeumdiario.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Sou uma das administradoras do blog Leitoras de Chocolate, e no mês que vem agente faz um ano.
    Agente acha que por já ter quase um ano, ele deveria ter evoluido mais.
    Séria de muita ajuda pra gente se você desse uma olhadinha nesse post http://leitorasdechocolate.blogspot.com/2014/02/tag-blogagem-coletiva.html e ver o que acha da nossa ideia.

    Atenciosamente,
    Catrine - Leitoras de Chocolate

    ResponderExcluir
  4. Menina, sabe que não consegui me sentir atraída por essa moda, esse história não me atrai, prefiro continuar com a Branca de Neve tradicional rsrsrs.

    Até mais.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  5. Li o livro, mas não me surpreendi em quase nada, quer dizer é praticamente a versão dos Grimm.

    bjo
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir
  6. Eu quero tanto, mas tanto ler ess 3livro. Infelizmente ele não veio para Portugal, mas arranjei o e-book e em breve poderei tirar minhas próprias conclusões :)
    Beijo, Jessie*
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  7. Adorei essa releitura. *---* Estou ansiosa para ler o segundo já!
    beijjos
    Apenas um Vício

    ResponderExcluir