Título: As Regras da Sedução
Série: Os Rothwells #01
Autor: Madeline Hunter
Ano: 2013
Número de Páginas: 272
Editora: Arqueiro

Sinopse: Lorde Hayden Rothwell chega à casa de Alexia Welbourne sem aviso e sem ser convidado – um homem poderoso e sedutor, movido por interesses obscuros. Sua visita anuncia a ruína financeira da família de Alexia e o fim das esperanças da jovem de um dia conseguir um bom casamento. Para se sustentar, a moça recebe a proposta de ser dama de companhia de Lady Henrietta Wallingford e preceptora de sua filha. O problema é que a oferta vem do sobrinho de Henrietta, ninguém menos que lorde Hayden. Morando na casa da tia de Rothwell, Alexia descobre que a proximidade com o homem que destruiu sua família pode ser perigosamente irresistível. Num gesto impensado, ela se entrega a ele, e ambos se veem obrigados a se casar. O que Alexia não sabe é que os atos aparentemente arrogantes de seu belo e sensual marido são motivados por uma dívida de honra que pode levá-lo a sacrificar tudo. Com tantas mágoas e segredos entre eles, o casal tem tudo para se manter afastado. Mas Hayden é um homem apaixonante e Alexia, a tentação que o faz perder a cabeça. Morando sob o mesmo teto, eles acabam se aproximando e, juntos, vão descobrir um jogo de sedução em que cada um faz as próprias regras.

Resenha: 
Esse é o primeiro romance de época da Madeline Hunter que leio, e devo admitir ela conquistou meu coração. As Regras da Sedução é o primeiro volume da série Os Rothwells.

Alexia Welbourne é uma jovem de 26 anos, que já passou por maus momentos. Sendo filha única, quando seu pai faleceu ela perdeu o pouco que tinha, devido aos péssimos investimentos de seu pai. Sem ter para onde ir, ela pediu abrigo aos primos de segundo grau, Benjamin era o mais velho e a acolheu de todo coração, assim como suas irmãs Roselyn e Irene, porém ele faleceu e seu irmão Timothy não pensa da mesma maneira.

O livro começa com a visita de Lorde Hayden Rothwell a casa da família, e essa não é uma visita social, ela vem acompanhada de péssimas notícias, Tim herdou uma participação no banco de Benjamin, mas ele queria lucrar e começou a falsificar a venda de títulos sem que os donos se dessem conta disso, mas Hayden descobriu tudo.
Por ser melhor amigo do falecido Ben, Hayden promete não contar a Alexia ou as irmãs o que ele fez, entretanto Tim deverá ressarcir as pessoas que enganou o que vai levar a família à falência, e ele se aproveita da promessa de Hayden para culpá-lo em frente às mulheres.

-  Por que ela ficaria aborrecida com a minha presença?
-  Timothy nos contou tudo. Roselyn sabe que o senhor levou o banco à beira da falência e nos deixou nessa situação.
Pág.: 26

Alexia não querendo ser um peso para os primos, e sabendo que Tim a expulsaria de qualquer maneira, começa a procurar trabalho, já que em poucos dias não terá nem mesmo um teto sob a cabeça.

- A quarta opção é me tornar cortesã. Há quem diga que uma mulher deveria preferir morrer de fome a isso, mas suspeito que essas pessoas não tenham de fato se visto diante dessa necessidade, como talvez aconteça comigo.
Esse comentário lhe valeu um olhar duro. Além do desconforto por ela estar ridicularizando o fato de ele não sentir qualquer culpa, Alexia também percebeu a ousadia de um olhar masculino que avaliava suas possibilidades na quarta opção da lista.
Alexia enrubesceu.
Pág.: 27

Hayden então, oferece a ela o cargo de dama de companhia de sua tia e preceptora de sua prima, o que apesar de necessário a deixa furiosa, pois a fará encontrar regularmente com aquele que destruiu sua família.

É aí que começa uma luta de forças, quem consegue resistir a química entre os dois por mais tempo.
No meio dessa luta há também a culpa que os consome, pois Alexia não só é da família como tinha um romance com Ben, e tudo o que aconteceu parte seu coração. Enquanto Hayden insiste em pensar que podia ter salvado Benjamin de se afogar bêbado no mar, e consequentemente livrar a família da falência.

Ela sustentou o olhar. Foi um erro. A conexão a deixou em desvantagem, assim como acontecera no hall na semana anterior, quando ele chegara com a tia. O olhar dele era penetrante demais, enxergava demais. Ela sentiu como se ele tivesse lendo seu coração.
Pág.: 56

Apesar da série ser sobre os irmãos Hayden, Elliot e Christian, e mostrar a interação dessa desestruturada família, gostei muito das personagens femininas. Alexia é uma mulher forte, que mesmo depois das derrubadas que a vida lhe deu, segue com a cabeça erguida e um aprendizado constante. Roselyn é centrada e tenta a todo custo manter a família erguida. Irene é a típica mulher da época, chora por uma apresentação a sociedade e um futuro marido. Enquanto Phaedra Blair, que pouco aparece, é uma mulher a frente do seu tempo, que vive sem se importar com valores impostos pela sociedade da época.

Nível do vício:

10 Comentários

  1. Oi Anne, gostei muito do livro, e já estou providenciando os outros para continuar com a leitura.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos duas Rose, louca para ler os outros.

      Bjs!
      Anne

      Excluir
  2. Oi Anne,

    Ainda não li nada da autora, essa é a primeira resenha que leio do livro e gostei bastante. Vou anotar aqui na minha lista.

    Beijos!

    P.S: Houve algumas mudanças no meu blog, mudei nome, mudei a aparência... Tô numa fase de mudanças. The Nice Age agora é Devaneios de uma Cindy, tornei algo mais pessoal. Vou fazer um post explicando tudinho, mas por enquanto tô na correria, ajeita aqui e ali.

    Cintia
    http://www.devaneiosdeumacindy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Cintia.
      Espero que essa seja uma excelente nova fase na sua vida. Pode deixar que vou passar lá.

      Bjs!

      Excluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Anne, eu gostei muito da suas resenha, o livro me interessou, já que adoro romances de época.

    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Soraya, estou amando o gênero.

      Bjs!

      Excluir
  5. Ai que legal! adorei a resenha, é um tipo de livro que de fato eu leria...o fato de ser de época acrescenta. E também gosto desses romances não convencionais =)

    http://www.virtualparadisee.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Vem conferir meu Blog junto com minha prima! Resenhas, livros, moda, filmes e muito mais!
    https://luckforus.wordpress.com/2016/01/13/resenha-hades-o-2o-da-serie-halo/

    ResponderExcluir
  7. Oi Ane ...amei a indicação!
    Bjs

    ResponderExcluir